Pensar design e as competências que podem falhar!

Precisa-se de interdisciplinaridade!

Não é de mais voltar a salientar que, uma equipa é um número determinado de indivíduos, que trabalham em conjunto para a realização de uma tarefa que têm em mãos.

 Trabalho em equipa facilita o desenvolvimento contínuo de competências de cada um dos membros da equipa, imprimindo um sentido de responsabilidade e compromisso com o trabalho.

MIt students Work

 Quando pensamos em pequenas e médias empresas construir uma equipa torna-se um processo crítico. Normalmente falamos da formação de equipas passando por quatro estágios, o processo de desenvolvimento da equipa, o confronto, a aplicação de normas e a execução.

A minha preocupação anterior era abrir caminho para combinar o o pensar design com a inovação aberta, para entender como isso poderia ajudar as PME’s. Aqui, o tema comum é a integração, ou a capacidade de integrar e comunicar design, ideias práticas e técnicas de forma coerente, quando estamos na presença de indivíduos portadores de diferentes perfis profissionais.

Como agregar de forma combinado as partes e, transforma-las num “Todo”, mais valioso?

 Algumas das competências do pensador design não se enquadram na paisagem da criatividade, como é o caso da capacidade de síntese, avaliação e análise, ou mesmo capacidades motoras.

Muitas vezes encontramos, em recém-licenciados de design, independentemente da disciplina, falta de discernimento para ligar as suas actividades de design com o contexto dos negócios.

Frequentemente as capacidades de comunicação oral e escrita estão aquém do necessário. Essas competências podem ser desenvolvidas através do desempenho do papel de “contador de histórias, que também é extremamente útil para vender as ideias.

Embora o pensar design seja um processo, onde o ambiente possibilita uma observação cirúrgica, a exemplo do que Leonardo da Vinci fazia, essa preocupação com o detalhe não existe ou está diminuída.

São estas algumas das competências que irão ser confrontadas com os líderes de negócios e são elas que podem pôr em causa a credibilidade do pensar design.

Os negócios que se propõe, em pensar design, são geridos por valores de respeito, optimismo, partilha, inovação e compromisso.

São os diferentes timbres de percepção e as diferentes tonalidades emocionais que se vão confrontar ao criar equipas interdisciplinares. Estas são uma mais-valia extraordinária, quando resolvidos todos os conflitos cognitivos. A final de contas, combinar as várias abordagens possíveis é melhor do que acumular pareceres diferentes.

Do outro lado, mas no mesmo projecto, gestores, financeiros, engenheiros, etc., combinarão com a mestria do pensar design. Há lugar a inspiração e um diferente olhar sobre o utilizador

“Finalmente, a fim de ganhar conhecimento do negócio prático, e uma compreensão mais clara dos gestão de projectos, os estudantes de arquitectura têm de ser mais comprometidos com a profissão e com outras disciplinas. Os alunos podem e devem ser incentivados a respeitar e aprender com os arquitectos e as disciplinas em que tradicionalmente se encontram fora das paredes do estúdio de design.” –Katherine A. Bojsza, – Instituto Americano de Estudantes de Arquitectura

Anúncios

Etiquetas: , , ,

Uma resposta to “Pensar design e as competências que podem falhar!”

  1. Pedro B. Says:

    Gostava de ver artigos que relacionassem a inovação com outras matérias, apesar de a inovação por si só poder ser vista de uma forma suficientemente complexa.
    A inovação na motivação (os novos processos motivacionais para organizações e para o individuo) por exemplo.
    Mas também relacionar a inovação com temas mais concretos. Qualquer um. A inovação nos telemóveis, nos carros, na urbanização, nas famílias, nos ideais políticos, no futebol, nos adeptos de futebol, sei lá…
    Claro que isso pode não ser bem o que gostavas de fazer.
    Também poderia ser interessante teres pequenas biografias de grandes inovadores e os seus processos e conquistas e até entrevistas com alguns!
    Bom, são as minhas sugestões actuais.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: